Informação sobre o Coronavírus Covid-19

As companhias aéreas do Grupo SATA têm estado permanentemente a acompanhar a evolução do surto do novo Coronavírus Covid-19 e têm atendido às recomendações emanadas pelas entidades nacionais e internacionais competentes, designadamente a IATA (International Air Transport Association), pela Organização Mundial de Saúde (OMS), pelo European Centre of Disease Prevention and Control, bem como pela Direção Geral de Saúde e, igualmente, pela entidade aeronáutica nacional, ANAC.

Foi recomendada a tomada de algumas medidas preventivas, habituais em situações desta natureza, e que se encontram já implementadas a bordo das aeronaves do Grupo SATA:

– Reforço das medidas de proteção individual (máscaras individuais);
– Disponibilização a bordo de novos Kits de prevenção, que acrescem aos de primeiros socorros, já existentes;
– Reforço das unidades de desinfetantes para a correta higienização de mãos e de zonas de trabalho comuns;
– Reforço da comunicação de procedimentos a adotar por parte dos tripulantes de bordo, que atuarão de acordo com as indicações emanadas pelas autoridades de saúde para o sector do transporte aéreo, sempre que os passageiros exibam sinais de mal-estar, tais como febre, tosse aguda ou problema respiratório.

Paralelamente, são sempre recomendáveis a adoção de comportamentos individuais, simples, adequados a esta e outras circunstâncias sociais. A saber:

– Lavar as mãos com frequência, com água e sabão, durante 20 segundos e principalmente depois de se assoar, espirrar ou tossir.
– Cobrir o nariz e a boca (com um lenço e nunca com as mãos) ao espirrar ou tossir.
– Em caso de febre ou mal-estar generalizado, é aconselhável que o passageiro/a consulte o médico antes de efetuar a sua viagem ou, em alternativa, que ligue, antecipadamente, para a Linha de Saúde 24 Nacional (Nº 808 24 24 24) ou Linha de Saúde Regional (Açores) 808 24 60 24, para maior tranquilidade e prevenção.

Poderá saber mais sobre o novo surto de Coronavírus Covid-19, na página web da Organização Mundial de Saúde aqui.

Chamamos a atenção para, de momento, existirem algumas restrições de entrada de passageiros provenientes da China, nos Estados Unidos da América, emitidas pelo Departamento de Segurança Interna dos EUA:

– Estão definidos onze aeroportos americanos que receberão voos com passageiros provenientes da China. Nestes onze aeroportos, o Governo dos EUA implementou procedimentos de rastreio avançados e a capacidade para colocar passageiros em quarentena, em caso de necessidade.

– Adicionalmente, os cidadãos americanos que estiveram na província do Hubei nos 14 dias que antecederam o seu regresso, serão sujeitos a até 14 dias de quarentena obrigatória para assegurar que lhes são prestados os cuidados médicos e exames adequados.

– Os cidadãos americanos que estiveram noutras áreas da China nos 14 dias que antecederam o seu regresso serão submetidos a triagem pró-ativa e até 14 dias de auto-quarentena com monitorização, para assegurar que não contraíram o vírus e que não constituem risco de saúde pública.

– Em geral, aos cidadãos estrangeiros (que não sejam familiares próximos de cidadãos americanos, residentes permanentes e tripulação) que viajaram na China nos 14 dias que antecederam o seu regresso, será negada a entrada nos Estados Unidos.

– A Alfândega e Proteção de Fronteiras dos Estados Unidos e transportadoras aéreas estão a trabalhar em conjunto para identificar e reacomodar qualquer passageiro que atenda a esses critérios, contudo outros passageiros sem ligação à China poderão ser encaminhados para um destes onze aeroportos se for descoberto durante o voo que alguém no seu voo esteve na China nos últimos 14 dias.

– Os viajantes que demonstrem sintomas deverão preparar-se para a possibilidade de demora prolongada para evitar a propagação do Covid-19.

Os americanos a voar para os Estados Unidos provenientes da China serão reencaminhados para os seguintes aeroportos, sem custos para o passageiro:

Aeroporto Internacional John F. Kennedy (JFK), Nova Iorque
Aeroporto Internacional Chicago O’Hare (ORD), Illinois
Aeroporto Internacional de São Francisco (SFO), Califórnia
Aeroporto Internacional Seattle-Tacoma (SEA), Washington
Aeroporto Internacional Daniel K. Inouye (HNL), Havai
Aeroporto Internacional de Los Angeles (LAX), Califórnia
Aeroporto Internacional de Atlanta Hartsfield-Jackson (ATL), Geórgia
Aeroporto Internacional Washington-Dulles (IAD), Virgínia
Aeroporto Internacional Newark Liberty (EWR), Nova Jérsei
Aeroporto Internacional Dallas/Fort Worth (DFW), Texas
Aeroporto Metropolitano de Detroit (DTW), Michigan